Arquivo da tag: Prosperidade

Missão e Dinheiro:  uma compreensão necessária!

Missão não tem a ver com dinheiro.  Mas, o dinheiro tem a ver com a nossa missão! “Como assim?”, você pode se perguntar. Por isso, vou abordar esse tema usando o meu próprio exemplo.

Há dez anos, iniciei uma nova carreira na área da saúde, como profissional liberal, para a qual me dedico e ganho dinheiro com ela, assim como ocorreu com outras carreiras que vivenciei.  No entanto, esta é diferente porque está 100% alinhada com a minha missão.  Como descobri isso?  Quando me dei conta de que o que faço hoje eu faria mesmo de graça.

Dinheiro é maravilhoso quando é decorrente de um movimento que fazemos em nossas vidas em prol daquilo para o qual damos valor.  Um valor que vem de dentro, das entranhas, do coração, muitas vezes, intuitivamente, inconscientemente….

O dinheiro é fatal quando atribuímos a ele apenas o seu caráter físico, monetário, macroeconômico.  Quando uma pessoa diz que a terapia que ofereço “é cara”, eu a convido a refletir:  quanto custa uma terapia é uma coisa.  Quanto vale uma terapia é outra coisa.

A nossa missão de vida se expressa, consciente ou inconscientemente, independente da nossa situação financeira.  No entanto, a nossa situação financeira tem muito a ver com a nossa missão de vida, porque está diretamente ligada ao compromisso que temos com nós mesmos, com o nosso desenvolvimento pessoal, com a nossa libertação de amarras e condicionamentos sociais.

Dinheiro nenhum sustenta uma missão,  porque o dinheiro não paga tudo o que envolve a ação de uma pessoa para realizar sua missão, tais como, coragem, entusiasmo, lucidez, alegria, paz de espírito, libertação do medo e paz interior.

O dinheiro em si não é a causa de uma missão, é a consequência! Para chegar no estágio que estou da minha atual carreira como Coach, Mentora e Terapeuta Holística, sim, eu investi dinheiro.

Este dinheiro representa a construção da realidade que vislumbrei, num processo que envolveu o meu consciente e o inconsciente, nem sempre alinhados, porém, determinados a me manter firme no meu propósito de evolução pessoal.

A dedicação à nossa missão não tem nada a ver com dinheiro.  Dedicação é consequência de entusiasmo com algo.  Quanto vale uma vida de autorrealização?  Haveria como medir isso em valores monetários?  O sentido e o entusiasmo com que fazemos algo não pode ser medido por meio apenas de cifras financeiras.  Exemplo:  se agora eu não tenho dinheiro para fazer uma formação que considero muito valorosa para mim,  não hesito em fazer um empréstimo e acredito que serei capaz de quitá-lo com o dinheiro que vou ganhar ou que uma quantia extra de dinheiro entrará na minha conta para reequilibrar o meu fluxo de caixa.

O dinheiro, quando percebido com uma visão mais ampla, deixa de ser somente moedas, papéis e cifras: ele passa a ser encarado como um campo energético informacional com o qual estamos ou não em ressonância.

Então, você pode me questionar:  como conseguir algo sem dinheiro? E eu respondo:  existe algo que vem antes do dinheiro que precisamos para comprar algo que valorizamos.  Esse algo tem a ver com a forma como estamos em ressonância com tudo que envolve dinheiro e prosperidade.  E então, inevitavelmente, vamos entrar na questão das nossas crenças (conscientes e inconscientes) a respeito do que é autorrealização, viver, sobreviver, ganhar e usar o dinheiro que ganhamos.  Crenças essas, na sua grande maioria, são introjetadas em nosso inconsciente, desde a infância e das quais precisamos nos libertar para começarmos a entrar na verdadeira abundância que a vida nos oferece, inclusive financeira.

A forma como escolhemos e pagamos o preço das nossas escolhas nos trazem muitas dicas sobre o lugar que o dinheiro ocupa em nossas vidas.  O grau de entusiasmo que temos com o nosso trabalho e com o dinheiro também.

Entusiasmar-se com o que se faz e com o que se conquista (inclusive o dinheiro) não tem a ver com aprovações externas.  Tem a ver com o que sentimos dentro de nós, fazendo o que fazemos e o que sentimos com o dinheiro que ganhamos.  O entusiasmo vem do espírito, não da mente.

O dinheiro é um instrumento que precisamos aprender a usar em nossas vidas, independentemente da situação econômica na qual nos encontramos.  Até para transformar uma crise econômica, precisamos rever nosso olhar sobre a forma como vemos e lidamos com dinheiro (microeconomia), nossa visão sobre dinheiro e o lugar que ele ocupa em nossas vidas.

Oportunidades batem em nossa porta o tempo todo. Situações nos permitem criar oportunidades. A questão é se a nossa visão de vida, nossa dimensão de consciência nos permite constatar essas oportunidades.  Descobrir nossa missão é tão fundamental quanto descobrirmos a razão da nossa vida e o porquê da nossa situação financeira estar do jeito que está.

Para sabermos discernir entre o que é o dinheiro e o que é a nossa missão, precisamos ter visão.  Dinheiro e missão andam juntos!  Acredito que este post pode lhe estimular a mergulhar nesta questão.

 

Prosperidade: Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados de Abundância Financeira

Dinheiro é um tema que está sempre presente na vida das pessoas. Todos buscam, de alguma forma, prosperar em suas vidas, inclusive financeiramente.  Não importa o que a pessoa esteja passando, o fato é que, de forma explícita ou implícita, o tema dinheiro está sempre presente, permeando conversas, ideais, estratégias, sentimentos, preocupações, escolhas, atitudes e comportamentos. No entanto, nem todos buscam refletir sobre o que é a essência do dinheiro e agir, com consciência, para a sua prosperidade financeira.    

Padrões de escassez, medos, dificuldades e resistências para lidar com as finanças pessoais, crenças limitantes, dificuldade de ganhar dinheiro, desemprego, falta de clientes, dificuldade de manter uma renda satisfatória estão entre as inúmeras situações de escassez e falta de prosperidade que muitas pessoas se encontram. E, pior: em geral, as pessoas não acreditam que podem transformar esta realidade. 

Na maioria das situações, não temos muita consciência de que nossas escolhas são afetadas por uma série de crenças sobre o dinheiro.  É comum a crença de que o dinheiro tem a ver somente com a macroeconomia ou com a necessidade de “se matar de trabalhar”, depender de um “ótimo e seguro emprego”, que o dinheiro “não traz felicidade” ou que “o dinheiro é sujo”, entre outras afirmações. 

Também é comum as pessoas buscarem respostas fora de si mesmas para encontrar soluções para as suas vidas financeiras e a base dessa escolha está em se conformar com o consenso, aceitando como verdades as crenças coletivas do tipo “crise financeira”, “crise política, “crise mundial” que são, aliás, muito bem trabalhadas pela mídia.  Não se trata de negar os fatos e, sim, de acessar a realidade interior, de avaliar sobre o que em si mesmo está vibrando para atrair situações de escassez. 

Para quem realmente quer encontrar respostas e trabalhar interiormente a sua questão de  prosperidade financeira, ofereço a Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados de Abundância Financeira, por meio da qual trabalho com a intenção de ampliar as suas possibilidades de prosperidade financeira, além de contribuir com esclarecimentos sobre quais têm sido os seus principais obstáculos e o que você precisa saber para superá-los.               

Como é e como funciona a Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados de Abundância Financeira

Canalizada por Rodrigo de Aldebaran, por meio da psicofonia e da psicografia, a Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados da Abundância Financeira atua em seu campo energético, em objetos-alvo ligados à área financeira/bens materiais tais como projetos, negócios, carreira profissional, objetivos, metas, entre outros. 

Fisicamente, a Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados da Abundância Financeira é uma tábua de PVC com gráficos da geometria sagrada, conhecidos também pelo inconsciente coletivo. 

O operador da Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados de Abundância Financeira, por meio de sua mente não racional, em estado Alpha, projeta as imagens ao Universo, criando uma sintonia imediata, que trabalha a favor da Luz, do discernimento, do Amor por si próprio e para o cliente.  O terapeuta ou operador tem que estar sempre se aprimorando nesse processo, por meio do seu próprio trabalho interior.

A Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados da Abundância Financeira cria um campo vibracional que põe Luz no campo da pessoa ajudando-a a libertá-la de padrões nocivos à sua prosperidade financeira. O propósito desta mesa radiônica é facilitar que a pessoa compreenda, em níveis mais profundos, o contexto da sua vida financeira/material, os padrões estabelecidos e do que ela precisa se libertar para prosperar financeiramente. Lembrando que a radiônica atua no inconsciente da pessoa, ajudando-a a descobrir que o futuro não é construído somente com as informações do presente.

Esta mesa traz a pessoa para a realidade que está no seu inconsciente, onde reside a nossa verdadeira força, além de trazer ancoramento, maior consciência, permitindo assim que a pessoa tenha melhores condições de lidar com dinheiro e atrair prosperidade financeira para a sua vida. 

Todas as pessoas que operam com esta mesa radiônica são preparadas por Rodrigo de Aldebaran, sensitivo, médium, professor de técnicas quânticas, radiestesia e radiônica e terapeuta holístico, pesquisador e palestrante de temas ufológicos e espiritualistas, com uma visão universalista (desvinculada de religiões) e dentro de propósitos que englobam trabalhadores da LUZ. 

Nem sempre temos condições de entender verdadeiramente a nossa realidade.  O que parece “pobreza ou riqueza”, muitas vezes é só um sinal de que algo muito profundo, precisa ser reconhecido, acolhido, limpado, corrigido e transmutado em nossa vida. 

Reconhecer as verdadeiras questões que envolvem o dinheiro é a proposta básica da Mesa Radiônica 77 Símbolos Sagrados da Abundância Financeira, que, junto com o terapeuta holístico, ajuda as pessoas a se conscientizarem da forma como o dinheiro ocupa lugar em suas vidas e a vivenciarem o dinheiro com consciência e como resultado da sua real vontade e ação.